Porto Alegre,
 
        
 
       
Artigos
Assembleia Legislativa
CANOAS
Famurs
FECOMÉRCIO
Governo do Estado
GRAVATAÍ
OAB
SIMERS
SISTEMA OCERGS/SESCOOP
VENÂNCIO AIRES
 



 
  
 
 
02/06/2021

Os  dias frios desse inverno serão amenizados para cerca de 200 famílias que são moradoras da Rua da Barca, no Bairro Harmonia. Na tarde desta quarta-feira (2), a Defesa Civil realizou mais uma edição da distribuição de roupas e materiais de higiene.

Gabriel Debromocena, 24 anos, que atualmente está desempregado e sobrevive fazendo bicos em obras, saiu com os braços carregados de peças de roupas. Ele, que estava acompanhado da mãe, da esposa e da filhinha Sofia, agradeceu a iniciativa. “Muito bom quando eles vêm nos ajudar aqui. Muitas vezes, estraga muita roupa porque a gente não tem água. Só vem água quando o caminhão pipa traz. Aí já ajuda. Nós recebemos cesta básica e a cesta de verduras e frutas. Agora, a escola das minhas irmãs também está ajudando, aí conseguimos passar o mês”, comenta.

A Coordenadoria da Defesa Civil estima que cerca de 2 mil peças de roupas foram levadas para que os moradores pudessem escolher. O secretário Igor de Sousa, explicou que ações como essa acontecerão semanalmente. “A partir de agora, vamos levar as roupas para que as pessoas possam escolher. Na próxima semana, vamos fazer a ação no Guajuviras. Neste momento de pandemia, podemos levar as peças até quem precisa e evitar que fiquem se deslocando e expostos”.

A dona de casa Carmen Lúcia Nunes, de 50 anos, também aproveitou a oportunidade para buscar peças de roupas. “Essa ação é tudo de bom para nós. Ficamos bastante agradecidos com essa iniciativa. Hoje de manhã, também retirei o meu ranchinho lá no CRAS, porque eu não tinha mais nada para comer em casa. Agora, tenho também o que vestir. Não posso me queixar porque estamos de barriga cheia. Adorei e aproveitei bastante, deu resultado” ressaltou.

VISTORIA
Na tarde da terça-feira (1º), o coordenador da Defesa Civil, Igor de Sousa, acompanhado da secretária-adjunta da Cidadania, Deise Chamorro, e da assistente social, Vanessa Rehermann, realizaram uma vistoria no vilarejo ribeirinho da Rua da Barca. O intuito da visita foi verificar os locais que ficam no mesmo nível do rio e planejar planos de contingência, em casos de cheias.

 
Institucional | Anuncie Aqui | Edições Anteriores | Assine