Porto Alegre,
 
        
 
       
Artigos
Assembleia Legislativa
CANOAS
Famurs
FECOMÉRCIO
Governo do Estado
GRAVATAÍ
OAB
SIMERS
SISTEMA OCERGS/SESCOOP
VENÂNCIO AIRES
 



 
  
 
 
06/09/2021

  Desde o dia 1 de setembro, a Unidade de Pronto Atendimento – UPA de Venâncio Aires conta com o atendimento de mais um médico. O prefeito Jarbas da Rosa anunciou um aporte financeiro de R$ 28 mil mensal, para custear os trabalhos de mais dois profissionais: um médico com carga horária diária de 12 horas e um enfermeiro, 8 horas por dia. O valor repassado pelo Executivo até então era de R$ 520 mil mensais. Em contrapartida, a Administração Municipal busca mais resolutividade aos atendimentos da unidade de saúde. Uma minuta ao contrato de repasse mensal, juntamente com o valor extra, também estabelece alguns critérios a serem observados pela administração da UPA, entre eles a disponibilidade de uma urna para aplicar um questionário junto aos usuários da unidade. A pesquisa visa avaliar a qualidade do atendimento prestado por este serviço de saúde.
“Chegam até o Executivo e ao Legislativo, seguidamente, diversas reclamações de usuários da UPA. Frequentemente, averiguando essas demandas, nos foi relato por parte da administração dos serviços, a necessidade de um suporte profissional. Reunimos nossas equipes e conseguimos garantir esse aporte, ao tempo que vamos acompanhar a melhora e agilidade nos atendimento da unidade. Queremos mais resolutividade na UPA”, destacou o prefeito. Jarbas esteve na UPA, acompanhado pelo presidente da Câmara, vereador Tiago Quintana e servidores da secretaria de Saúde. O grupo foi recebido pelo superintendente da UPA, Rodrigo da Silva e conversou também com os médicos que atendiam. Os relatos dos profissionais são de que esse suporte da Prefeitura, vai garantir mais qualidade ao atendimento.
“Desde que a UPA foi inaugurada, servia como referência de eficiência do serviço público e de atendimento ao cidadão, mas com a pandemia, com a retirada de um plantonista e fechamento do Pronto Atendimento do hospital, sobrecarregou o sistema da UPA, que não estava mais dando conta. Como vereador, vejo com bons olhos essa iniciativa do prefeito até que seja possível contratar mais médicos à rede de saúde básica do município. Vamos permanecer acompanhamento o andamento desse convênio, na expectativa de que esse aporte importante que município repassa UPA, reflita na agilidade e qualidade do atendimento à população”, destacou o presidente da Câmara. O terceiro médico vai atuar de terças a sextas-feiras, entre 7 horas e 19 horas, sendo que nas segundas já existe esse atendimento. O aporte financeiro será feito ate dezembro, quando a situação será reavaliada, conforme o prefeito. Além da coleta de avaliação dos usuários, a minuta ao termo do ativo para o repasse extra, ainda prevê:
- Os protocolos médicos deverão estar no Sistema Informatizado da UPA, de fácil acesso e visualização para os médicos.
- Também deverá estar no Sistema Informatizado da UPA a relação dos medicamentos disponíveis na Farmácia Municipal e os medicamentos do Programa Farmácia Popular do Ministério da Saúde. A Secretaria Municipal de Saúde estará providenciando junto a empresa MV que é a empresa responsável pelo Programa Informatizado, para fazer esta customização na aplicação.
- Deverá estar disponível no sistema informatizado da UPA a prescrição dos exames e dos medicamentos padrão por diagnóstico.
- A coordenação da UPA deverá afixar em vários locais os cartazes da Ouvidoria do SUS fornecidos pela Secretaria Municipal de Saúde.

 
Institucional | Anuncie Aqui | Edições Anteriores | Assine