Porto Alegre,
 
        
 
       
Agenda
Artigos
Assembleia Legislativa
Canoas
Famurs
Federasul
Governo do Estado
OAB
Prefeituras
 



 
  
 
 
20/08/2019

 

Imaginação, espírito de equipe e uma pitada de desenvoltura. Esses foram os ingredientes que movimentaram os alunos do Gerações para soltarem a criatividade em um Encontro de Talentos, realizado na última sexta-feira (16), no Espaço Multicultural da UniLaSalle, em Canoas. O evento, que colocou no palco desde apresentações musicais até mostras de artesanato, é uma novidade dentro do plano pedagógico da formação. “Nós percebemos uma diversidade cultural muito grande nestas turmas e por isso resolvemos inovar, propondo que cada um trouxesse um pouco da própria história por meio de expressões artísticas”, explicou um dos coordenadores do programa, Flávio Fialho.

A atividade, que deixou os alunos livres para apresentarem o que quisessem, teve um gostinho de despedida para os participantes, que estão na reta final desta edição do Gerações. “Preparar as canções foi emocionante porque estamos todos meio tristes por saber que logo as aulas vão acabar”, comentou a líder de um dos grupos musicais do encontro, Beatriz Teresinha Cardoso Lima, de 61 anos. “Os ensaios só confirmaram que não queremos nos separar, por isso vamos manter essa amizade mesmo depois da formatura”, garantiu a estudante, que faz estágio pelo programa na Secretaria da Saúde do município.

Arte para resgatar a autoestima

Além da socialização, a iniciativa de inserir a arte no programa surge como mais uma forma de elevar a autoestima dos participantes – fator importante para a reinserção social na terceira idade. “Nosso objetivo não é descobrir talentos, mas desinibi-los, transformando-os em protagonistas diante de uma plateia. Isso gera autoconfiança, estimula novas ideias e valoriza a particularidade de cada um. Esse é o propósito: fazer com que cada um se sinta especial ao seu modo”, revelou a coordenadora do Gerações, Sirlei Dias Gomes.

Se o objetivo era despertar a segurança em si mesmo, parece que a ideia deu certo, pelo menos para o Luis Antonio Santos da Rosa. “Me senti um artista. Aliás, quantos talentos, hein?”, comemorou o estudante de 61 anos, que se apresentou três vezes: em um solo de voz e violão e em dois corais com os colegas. Para dar um empurrãozinho, ele contou com a ajuda do filho, Isvi Souza da Rosa, de 23 anos, que foi o instrumentista nas apresentações em grupo.

A tarde, embalada por diferentes ritmos musicais, como rock americano, modas de viola e louvores gospel, contou ainda com apresentações de valsa, recital de poesias e demonstração de diversas criações manuais, como costura, crochê, bordados, confecções e pintura em tecido. As peças, que incluíram o uso de materiais reciclados, foram entregues de presente para professores, dirigentes, supervisores e agentes culturais da cidade – todos participantes ativos no desenvolvimento do programa Gerações.

Programa Gerações abre inscrições em outubro

Criado para reinserir a população idosa socialmente, o programa Gerações lança sua terceira edição em outubro de 2019, quando serão abertas as inscrições para as próximas turmas. Com duração de um semestre e aulas divididas entre teoria e prática, a formação trabalha questões como o uso de tecnologias, noções básicas de escrita e oralidade, raciocínio lógico e relações interpessoais. Quando divulgadas, as inscrições poderão ser feitas diretamente na Central da Pessoa Idosa (avenida Victor Barreto, nº 2970), onde já podem ser esclarecidas dúvidas sobre o processo seletivo.

 
Institucional | Anuncie Aqui | Edições Anteriores | Assine