Porto Alegre,
 
        
 
       
Agenda
Artigos
Assembleia Legislativa
Canoas
Famurs
Federasul
Governo do Estado
OAB
Prefeituras
 



 
  
 
 
01/07/2019

“Dias  melhores virão, não desista”. Com essa mensagem, a estudante Érica da Silva, de 14 anos, tornou o dia de uma pedestre no Centro de Canoas um pouco mais leve. A jovem é aluna da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Monteiro Lobato e participa do projeto da Secretaria da Educação, intitulado Amor à Vida. A iniciativa tem como principal objetivo, através de tarefas realizadas dentro das escolas, atingir diretamente a problemática do suicídio, da depressão e da desvalorização da vida na infância e na adolescência.

Na tarde desta quinta-feira (27), cerca de 70 alunos de 22 EMEFs de Canoas realizaram um pedágio no Centro da cidade, no cruzamento das ruas Quinze de Janeiro e Muck, com o objetivo de apresentar o projeto para a população. “Nós produzimos, em todas as turmas, bilhetes personalizados com mensagens motivacionais. Nossa ideia é transmitir um pouco de alegria para as pessoas que estão transitando a pé ou de carro pelo centro. Nós nunca sabemos quem precisa de uma palavra de consolo ou de carinho. Não sabemos o que a pessoa está passando, cada um tem uma história de vida e uma mensagem positiva pode acabar mudando o dia de alguém”, comenta Érica.

O Pedágio Amor à Vida integra o calendário comemorativo dos 80 anos da cidade de Canoas. “Esse é um projeto que está consolidado na rede de ensino do município. Já são 37 escolas que aderiram à iniciativa e o retorno da comunidade escolar é muito positivo. Dessa forma, trazer esses jovens às ruas, motivados e dispostos a levar mensagens de amor à vida para a população, é uma forma de presentear todos os canoenses nesta data comemorativa”, ressalta a secretária da Educação, Neka Escobar.

Entre 14h e 16h, centenas de cartões com diferentes frases motivacionais foram entregues. Balões, faixas e estudantes animados chamavam a atenção de quem passava pelo movimentado cruzamento do bairro Centro. Como o caso do Josiel Alves, que se surpreendeu com a iniciativa. “Muito legal ver esses jovens engajados. Nunca vi uma ação dessas, estão de parabéns. Gostei da mensagem”, comenta Alves.

Além dos alunos, os professores referência de cada escola e as professoras coordenadoras do projeto, Joelma Gomes e Carla Zanetti, também participaram da ação. O pedágio teve apoio da Guarda Municipal e da Fiscalização Municipal de Trânsito.

 
Institucional | Anuncie Aqui | Edições Anteriores | Assine